Sábado, 31 de Outubro de 2020
(86)99825-8592-998501346
Entretenimento Exportação de carne

Exportação de carne bovina brasileira cresce 10% em setembro; 94 mil toneladas

Exportação de carne bovina brasileira cresce 10% em setembro; 94 mil toneladas

06/10/2020 21h32
951
Por: Júnior repórter
Exportação de carne bovina brasileira cresce 10% em setembro; 94 mil toneladas
Exportação de carne bovina brasileira cresce 10% em setembro; 94 mil toneladas

A Secretaria de Comércio Exterior do Ministério da Indústria, Comércio e Serviços (SECEX) divulgou na última segunda-feira (21) que o volume embarcado alcançou 94,3 mil toneladas de carne bovina até a terceira semana de setembro, sendo que no ano passado o total exportado em todo mês de setembro foi de 138,2 mil toneladas.

A média diária embarcada até a terceira semana ficou em 7,2 mil toneladas e teve um aumento de 10,24% se comparado com os dados observados em setembro do ano passado, que registrou uma média exportada de 6,58 mil toneladas.

A média diária exportada registrou um recuo de 12,20% frente aos números divulgados na semana anterior, em que a média ficou em 8,2 mil toneladas. De acordo com a Radar Investimentos, o volume teve uma desaceleração notável das exportações de carne bovina na terceira semana de setembro em relação às duas primeiras. "Diante desse cenário, a estimativa do volume consolidado no mês que girava ao redor de 170 mil ton caiu para patamares mais próximos de 150 mil t e vale a pena reforçar que estas estimativas devem ter alteração de acordo com as próximas divulgações do órgão", apontou a consultoria.

Os preços médios na terceira semana de setembro ficaram próximos de US$ 4.090,3 mil por tonelada, na qual teve uma queda de 3,08% frente aos dados divulgados em setembro de 2019 que registrou um valor médio de US$ 4.022,8 mil por tonelada.

O valor negociado para o produto foi US$ 386 milhões na terceira semana de setembro deste ano, tendo em vista que o preço comercializado durante o mês de setembro do ano anterior foi de US$ 583,6 milhões. A média diária ficou em US$ 29,696,7 milhões e registrou um avanço de 6,84%, frente ao observado no mês de setembro do ano passado, que registrou um valor de US$ 27,794,4 milhões.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.